Incorporção do saber de parteiras e benzedeiras às práticas de saúde

Estudo alerta para benefícios da inclusão das parteiras e doulas na atenção materno-infantil. “A apresentação dos resultados da pesquisa visa credibilizar o saber/fazer dos sujeitos do estudo como uma contribuição ao estudo das monoculturas do saber e do tempo”.

Para ler a pesquisa, clique aqui.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: