“Ser parteira é uma doação”

Laís Ferreira
Estudante de Jornalismo

Dona de um sorriso tímido e traços indígenas, Alice Rodrigues de Oliveira Lima é uma das muitas mulheres guerreiras que vivem no Sítio Saco Verde, zona rural de Trindade, no sertão de Pernambuco. E ela seria apenas mais uma se não fosse os mais de 500 filhos e afilhados que possui na região. É assim que Dona Alice chama as crianças que ajudou a colocar no mundo nesses 28 anos como parteira.

Mãe de oito filhos, sendo quatro nascidos com a ajuda de parteiras, ela iniciou o oficio de partejar por acaso, durante visita a uma conhecida que estava grávida. No meio da conversa, a gestante entrou em trabalho de parto e os vizinhos a deixaram sob os cuidados de Dona Alice enquanto iam buscar uma parteira. Mas o bebê foi mais rápido e, quando a parteira chegou, Dona Alice já tinha ajudado o menino a nascer. 

“Eu sempre tive muita vontade de ser parteira, acho muito bonito. Ajudar a colocar uma criança no mundo é um dom e uma doação”, responde sem demora quando questionada sobre o motivo pelo qual escolheu essa ocupação.

Daí por diante, foram vários partos e muitas histórias para contar.  “Eu já fiz parto em beira de estrada, dentro de carro, debaixo de chuva. Já peguei criança sentada, atravessada, de tudo quanto é jeito”, conta Dona Alice, que se orgulha de nenhuma criança ter morrido durante os partos que ajudou a fazer.

Neta de parteira, ela acompanha a gestante desde o pré-natal até a hora do nascimento da criança. “Eu deixo sempre a minha bolsa arrumada com os materiais que uso para fazer o parto, pois nunca se sabe quando um bebê resolve nascer. As pessoas me chamam a qualquer hora”. Ela conta ainda que, em casos onde há complicações, encaminha a futura mãe para o hospital, mas continua a acompanhar o parto, e que, muitas vezes, auxilia os médicos na hora de tirar o bebê . “Eu prefiro fazer o parto na casa da grávida. Lá a mulher fica mais confortável, recebe o apoio da família e o carinho da parteira, mas quando é preciso, não penso duas vezes em levá-la ao hospital”, ressalta.

Seja na cidade ou no interior, as parteiras são muito mais do que auxiliares na hora do parto; elas são responsáveis pela saúde e o bem-estar das grávidas. E não é diferente com Dona Alice. Nos povoados de Saco Verde, Mangueira e Bonita, ela e as parteiras Francisca e Leoniza fazem os primeiros atendimentos as gestantes, já que a equipe de profissionais de saúde conta apenas com um médico e uma enfermeira para atender as cerca de 4 mil pessoas que moram nessa região. Essas parteiras se tornaram referência na comunidade.

Apesar de amar o ofício de partejar, Dona Alice enfrenta algumas dificuldades para se manter, pois nunca recebeu salário como parteira. Atualmente, ela sustenta a casa, onde mora com o marido, três filhos e uma neta, com os R$ 600 que ganha como Agente de Saúde.  “É muito difícil sustentar a família sendo parteira, pois não recebemos dinheiro e precisamos sobreviver. Muitas das mulheres gostam de partejar, mas precisam arrumar uma outra profissão para conseguir ter o que comer. Se nós tivéssemos um salário ajudaria bastante.” Segundo ela, esse talvez seja o motivo do número de parteiras ter diminuído na região. “Nós tínhamos muitas parteiras na Associação de Parteiras de Trindade, mas elas foram procurando outras profissões e hoje somos apenas dez mulheres”.

Mesmo com essas barreiras, ela não desiste de partejar. “Eu vou morrer sendo parteira. Onde tiver uma mulher grávida precisando de mim para colocar o menino no mundo, pode me chamar que eu vou ajudar”.

Anúncios
Comments
One Response to ““Ser parteira é uma doação””
Trackbacks
Check out what others are saying...
  1. […] há 1 ano exatamente, no dia 5 de maio, dia da parteira. D. Dorca já havia sido homenageada pelo grupo Cururumim, de Pernambuco, que relatou a importância dela na comunidade e na história da parteria […]



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: