Encontro de Parteiras em Belém (PA)

Até sexta-feira (09), profissionais de saúde, parteiras, gestores municipais e estaduais e representantes do Ministério da Saúde estarão reunidos no “Encontro Estadual Parteiras Tradicionais: Inclusão e melhoria da qualidade da assistência ao Parto e Nascimento Domiciliar no SUS”.  A ação é promovida pelo Grupo Curumim e o Ministério da Saúde, em parceria com a Secretaria de Saúde do Pará e apoio do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e visa integrar as parteiras tradicionais e os serviços de saúde do SUS, para que elas sejam reconhecidas como protagonistas na promoção e na atenção à saúde. O evento começa na segunda-feira com a chegada das participantes e a abertura é na terça-feira (06), as 8h30, no Hotel Beira Rio, emBelém, com a presença da secretária Estadual de Saúde, Silvia Comaru.
Ao todo, serão 30 participantes, incluindo parteiras vindas dos municípios de Breves, Santarém, Alenquer, Belém, Óbidos, Altamira, Curralinho, Gurupá, Melgaço, Baião, Cametá, Anajás, Bagre, Curuá e Portel.  Também estarão presentes representantes da Associação Brasileira de Enfermagem Obstétrica do Pará (ABENFO-PA), da Universidade Federal do Pará e do Museu Goeldi/Reserva Caxuanã. Durante o encontro, serão apresentadas as experiências nacionais na efetivação de políticas para a inclusão do parto domiciliar no SUS, incluindo as do Pará. Além disso, as participantes vão elaborar o Plano de Ação da Rede Colaboradora estadual, entre outras ações.
De acordo com dados do DATASUS/Ministério da Saúde, a cada ano, são realizados, em média, cerca de oito mil partos domiciliares no Pará.  No Estado, entre os anos de 1998 e 2007, o Programa Trabalhando com Parteiras Tradicionais, do Ministério da Saúde, realizado em parceria com o Grupo Curumim, promoveu capacitações e encontros para 476 parteiras e 243 profissionais de saúde de vários municípios. Em reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelo Grupo Curumim no Arquipélago de Marajó, a instituição ganhou o Prêmio RACINE/Ano 2002 – Reconhecimento às Ações que Transformam as Condições da Saúde no Brasil: Humanizando o Atendimento à mulher e à Criança.
O Grupo Curumim desenvolve o Programa Parteira, que propõe e incide nas definições de políticas públicas de saúde para a inclusão do parto domiciliar assistido por parteiras tradicionais no conjunto da atenção integral à saúde da mulher no Brasil. O encontro de parteiras faz parte da Campanha de 20 anos do Grupo Curumim: “Por todas as Mulheres. Por todos os Direitos”.
Anúncios
Comments
4 Responses to “Encontro de Parteiras em Belém (PA)”
  1. Rogério diz:

    Boa tarde.

    Estou a procura de um tratamento para artrose no joelho. Informaram que as mulheres parteiras de Belém (acredito que na comunidade indígena) produzem remédios naturais através das ervas e óleos.
    Peço a gentileza que me informem se realmente elas podem produzir esse tipo de remédio e como posso ter acesso a elas( telefone, endereço) para pedir/comprar. Esse rémedio é para uma mulher de idade que as vezes chora de dor, em determinados casos precisa ficar em repouso porque não consegue andar devido ao desconforto. Obs. Sou de São Paulo Agradeço desde já a atenção. Rogério

    • Edição diz:

      Rogério, infelizmente, não dispomos desta informação. Talvez seja interessante procurar, já que buscas um tratamento natural, um/a bom/boa homeopata, o que pode, inclusive, facilitar a aquisição do produto.

  2. nazareth oakes sliachticas diz:

    adorei o site de vocês.

  3. nazareth oakes sliachticas diz:

    ADOREI O SITE DE VOCÊS

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: